sexta-feira, novembro 02, 2007

PROFISSÃO: PROFESSOR
Perfil: Bergo

Professor de física do terceiro ano, Bergo é mais um exemplo que prova que professores de Física e pessoas normais são personalidades incompatíveis. Depois de encararmos a mucho louca professora Vilma (que merece um post a parte) nossas turmas deram de cara com essa figuraça.

Bergo tinha um fraco pela cervejinha, o uísque, a caninha e outras delícias alcoólicas, e teria todo o direito de tomá-las na quantidade que bem entendesse, se não o fizesse no horário das aulas! Seu point favorito era o Ceará: famoso bar, botequim e borracharia em que alguns corajosos alunos do CEFET ainda se arriscam a comprar seus lanches. Chegou a falar com um colega de minha turma que realmente gostava de beber quando ficava triste. E falou sem mais nem menos, sem o colega sequer perguntar ou puxar assunto!

Sua distração etílica permitia que alguns colegas trapaceassem na correção das provas: alguns já faziam a prova a lápis para apagar e "ajeitar" os resultados na revisão da correção. Suas aulas não eram ruins, ele era tido como um cara de bom coração, assim, a turma não discutia muito com ele, mas também era um péssimo disciplinador, de modo que os poucos colegas que prestavam atenção nas aulas é que tinham que pedir silêncio. Num jornalzinho que a turma escreveu, chegaram até a colocar uma musiquinha, baseado no pagode (argh!) "Lá Vem o Negão" e que se chamava "Lá vem o Bergão"

LÁ VEM O BERGÃO
Lá vem o Bergão cheio de disposição
Entornar, entornar, entornar
Querendo tomar toda a caninha
Nem Pitu ele perdoa não
Tomou uma Skol com a linda morena
Entornar, entornar, entornar
Branquinha entornada por Bergão não é problema
Branquinha entornada por Bergão não é problema

Vem Bergão, vem depressa, vamo outra aula matar!
Vem Bergão, a hora é essa! Vamo lá no Ceará!
Na rua, na esquinha e na calçada
É melhor não vacilar
Basta bater uma vontade
Pro dono do bar lucrar...

Não sei do destino do simpático mestre, mas espero que ele tenha se tratado e se recuperado, pois, nas raríssimas vezes em que apareceu para dar aulas (e estava em condições), fez direitinho.

Gussshhhtavo Moori (hic) quase morreu depoisshhh de beber (hic) purque correu do pitchi bull que era (hic), mashh subiu na árvore que não era (hic)!!!